5.20.2016

Escreva sua própria história (Copyright ©)



Escreva sua própria história

Você já se perguntou como alguém se tornou em uma pessoa sucedida? Como as pessoas passam de mais uma em sete bilhões para algo importante? Eu lhe digo uma coisa: eles deram duro para chegar onde chegaram e se não tivessem dado seu 100%, nada teria acontecido.
Se você quer tocar nas estrelas, primeiro tem que aprender uma coisa: se você não fizer, ninguém fará por você. Pare de esperar os outros, cada um tem seu espaço para fazer o que for possível ( e as vezes impossíveis ) de fazer, você não precisa que alguém te apoie para que algum projeto seu dê certo. Está bem que quando alguém nos apoia, temos um motivo para continuar, mas você pode buscar esse apoio em pessoas que seguiram o mesmo caminho e conseguiram chegar onde queriam, não é tão difícil deixar a opinião dos outros as vezes.
Você quer algo? Você pode ter! Talvez você precise passar por algumas pedras no caminho, todos precisamos, mas isso não pode fazer com que você saia do caminho. Se tem algo que eu aprendi na vida é que, não importa quantas pessoas há em volta de ti, você sempre vai parecer sozinho quando precisar de ajuda.
Lide com seus defeitos para que os mesmos não interfiram em seus sonhos. Por exemplo, meu defeito é deixar as coisas sempre pela metade, mas de uns dias pra cá, venho tentando deixar isso com o menor valor possível na minha vida, porque eu nunca consigo alcançar meus verdadeiros objetivos. Não é como se eu tivesse preguiça, eu simplesmente abandono porque não tenho paciência para esperar que dê certo.
Parando para refletir, todos nós já deixamos oportunidades e pessoas para trás por conta de bobagens, mas não podemos nos abater por conta disso, temos que levantar e seguir em frente, o caminho é longo. Mas, além de tudo, temos que aprender com esses erros, ou acabaremos realmente sozinhos.
Sempre se lembre: uma porta sempre se fecha para que outra se abra, mas a mesma nunca abre duas vezes. Se tiver uma chance, a agarre com todo prazer, ela pode ser a última.

Fonte da imagem: google

Nenhum comentário:

Postar um comentário